Ir para o conteúdo

Inteligência artificial nas empresas: utilização e benefícios

A inteligência artificial é essencial para o dia a dia dos trabalhadores e gestão das empresas. A automatização e otimização de processos operacionais está na ordem do dia e a utilização da tecnologia na área dos  Recursos Humanos é preponderante.

Além de ajudar a melhor recolher dados, bem como a economizar tempo e recursos, a inteligência artificial ajuda as empresas no momento de automatizar tarefas repetitivas. Desta forma, no que concerne aos departamentos de RH, estes têm mais horas para se dedicarem à elaboração de estratégias. E, claro, de tomar ações decisivas.

É, assim, inegável que a inteligência artificial nas empresas pode ser um excelente aliado, permitindo trabalhar aspetos vitais das organizações. Neste artigo vamos ajudá-lo a perceber melhor o que é a inteligência artigical, como pode ser utilizada pelos recursos humanos e como contribuirá para o sucesso de uma empresa.

software-rh-dp-360

O que é inteligência artificial?

A inteligência artificial (IA) é a capacidade que uma máquina tem para reproduzir competências e ações semelhantes às dos seres humanos. Podemos falar, por exemplo, no caso do raciocínio, da aprendizagem, no planeamento ou, até, da criatividade.

Os sistemas de IA são regidos por algoritmos usando técnicas como machine learning e deep learning para demonstrar um comportamento “inteligente”.

Na forma mais básica da inteligência artificial, os computadores são programados para “imitar” o comportamento humano ao utilizarem dados extensivos de exemplos anteriores de comportamento similar. Por norma, os seus resultados são bastante positivos, melhorando o desempenho estratégico das empresas.

Neste artigo iremos focar-nos na inteligência artificial aplicada aos recursos humanos. Existem diversos tipos de inteligência artificial que uma empresa poderá aplicar.  Desde os chats automáticos, até páginas ou plataformas onde é possível gerir férias e ausências.

Mas como funciona realmente a inteligência artificial dentro de uma empresa? É o que abordaremos de seguida.

📚 [Artigo] RH Estratégico nas organizações: 15 dicas e ferramentas

Quais são os usos e benefícios da Inteligência artificial e do big data para as empresas?

As potencialidades da inteligência artificial, em contexto de gestão de Recursos Humanos, são inúmeras e inegáveis.

Da agilização de processos de seleção, à melhoria das ações de formação, passando pelo reforço da imagem da empresa. Mas também na otimização da gestão de dados e na automatização das tarefas burocráticas, entre outros.

Recorrendo às potencialidades da IA na gestão dos RH, é possível aperfeiçoar processos e tomar decisões mais adequadas. No limite, é possível obter melhores resultados.

✅ [Modelo pronto para download] Planner de RH 2022

1) Recrutamento e seleção: Agilização de processos recorrendo à inteligência artificial

A inteligência artificial tem a capacidade de se adaptar às diferentes áreas de uma empresa. Uma das áreas em que a sua aplicação pode ser particularmente relevante, dentro dos RH, é nos processos de seleção.

Tipicamente, a publicação de um anúncio de emprego costuma ser seguida de uma triagem de currículos, que termina numa entrevista.

Sabemos que os processos de recrutamento exigem muitos dias de dedicação, especialmente se as tarefas forem feitas manualmente e de forma repetitiva. No entanto, com a inteligência artificial, parte dessas tarefas não precisa de ser feita ​​dessa forma.

O número de currículos recebidos num processo de recrutamento poderá ser na ordem das centenas. A IA permitirá analisar rapidamente essas centenas de CVs, reduzindo-os a menos de uma dezena.

A utilização da inteligência artificial ​​permitirá, ainda, filtrar pedidos e ordená-los de acordo com os dados a destacar (formação, experiência, etc.).

Efetuando estas tarefas, rapidamente se poupará tempo e permitirá ao responsável pela seleção concentrar-se apenas nos melhores candidatos para a vaga.

Quanto às entrevistas realizadas a cada candidato, as mesmas também podem ser agilizadas com recurso à IA. Utilizando um software de gestão, os RH podem filtrar os candidatos por resultado da entrevista, por exemplo. Ou ainda ordená-los de acordo com o que melhor se adequa à vaga disponível.

A inteligência artificial abrirá caminho para encontrar o candidato mais adequado para uma vaga, da forma mais rápida e eficiente.

2) Utilização de chatbots como ferramenta de RH

Um dos exemplos de inteligência artificial como ferramenta de RH são os chatbots. A utilização deste recurso aumentou consideravelmente nos últimos anos.

Os chatbots tratam-se de ferramentas capazes de produzir conversas, com respostas preparadas e automatizadas, transmitidas por um sistema informatizado. Além disso, podem ser integrados em qualquer website, landing page ou mesmo em aplicações, como o Messenger ou WhatsApp.

No caso dos processos de recrutamento, os chatbots podem realizar pequenas entrevistas prévias, ou ainda responder a dúvidas dos candidatos.

Ainda que se comportem como um humano, o seu intuito não é, contudo, substituir completamente o papel de uma pessoa. O seu objetivo é antes acelerar parte do processo de seleção e economizar tempo.

Muitos e-commerces tendem, também, a usá-los na área de atendimento ao cliente.

Um dos exemplos mais conhecidos e mais antigo é o do chatbot da Ikea. Este chatbot tinha a capacidade de responder a qualquer pergunta colocada por um cliente, sobre um produto ou serviço. Mas inúmeras outras empresas recorrer a eles, como a Uber, a Sephora ou a Adobe.

📚 [Artigo] Como um software de Recrutamento pode ser essencial na sua empresa

testes psicotecnicos

3) Utilização da IA como instrumento de estruturação de dados

Se os chatbots recolhem informação que não exige obrigatoriamente a intervenção de um humano, posteriormente há que estruturar estes dados. Também aqui a inteligência artificial pode entrar em ação e ser de grande utilidade.

Por exemplo, se for necessária uma pessoa com uma formação académica específica, o robô poderá fazer essa pergunta. Com base nas respostas recebidas, poderá ordenar essas respostas de acordo com os parâmetros previamente definidos.

Se feita manualmente, esta tarefa ocupará muito mais tempo e o risco de erro humano é consideravelmente superior.

A conversa poderá, também, ser orientada de forma a direcionar o candidato por um caminho ou por outro. Isto é, em função de uma resposta dada pelo candidato, o sistema de IA pode decidir qual a pergunta seguinte, de um leque de opções.

Por último, os dados obtidos também permitirão ajudar a decidir se a entrevista terá continuidade ou não. Ou se o candidato passa à fase seguinte ou é excluído. O objetivo final de afunilar o processo com uso da IA será sempre o mesmo: apresentar apenas os perfis realmente valiosos para a empresa.

✅ [Modelo] Checklist para recrutamento e seleção

4) Imagem das empresas: A importância da inteligência artificial na solidificação do Employer Branding

De acordo com um estudo da empresa norte-americana IBM, 48% dos candidatos que respondem a uma oferta de trabalho, já tinham algum tipo de relacionamento com a empresa. Mesmo antes de entrarem no processo de recrutamento.

Vemos, assim, que a construção de uma imagem corporativa consistente é uma boa oportunidade para captar e selecionar talento.

E uma imagem corporativa sólida, irá permitir a atração dos melhores candidatos. O Employer Branding é um dos fatores que qualquer candidato terá em conta ao decidir se quer ou não trabalhar numa organização.

Adicionalmente, é importante não esquecer que um candidato não contratado ainda poderá ser um potencial cliente. Logo, é preciso ter em consideração que um processo de seleção não influencia apenas a empresa internamente.

Para além da inteligência artificial ser crucial nos processos de recrutamento, pode ser também aplicada a outras áreas dos RH, como na formação.

[eBook pronto para download] Employer branding: Guia Prático

5) Formação profissional: Diversos usos da inteligência artificial como ferramenta de formação

Não é raro encontrar ferramentas inovadoras, que recorrem à IA, na área da formação profissional.

Existem diversos tipos de solução, mais ou menos complexos, que podem treinar os colaboradores de uma empresa. Um exemplo deste tipo de solução é o usado pela Verizon.

Esta empresa de telecomunicações treina os seus colaboradores através de videojogos, preparando-os para as situações reais de trabalho.

Ao fazer formações com recurso a realidade virtual, é possível preparar os seus colaboradores para os diferentes ambientes de trabalho.

Por exemplo, um colaborador sem qualquer experiência poderá aprender a trabalhar com guindastes ou escadas elevatórias. Isto permitirá que, no primeiro dia de trabalho, um elemento da equipa de instalação já saiba como manusear ferramentas complexas.

Ou movimentar-se em telhados, terraços ou em áreas subterrâneas, tendo aprendido previamente em situação virtual, com óculos de realidade virtual.

[eBook pronto a descarregar] Gestão de formações internas e desenvolvimento

Gestão de dados: Melhorar a gestão da informação

As equipas de Recursos Humanos sabem bem que o Excel é uma ferramenta imprescindível no seu dia-a-dia de trabalho. Estes ficheiros agregam dados, desde informações pessoais dos colaboradores, a dados financeiros, entre tantos outros.

É, por isso, habitual que os profissionais de gestão de pessoas acumularem inúmeros ficheiros, em diversas plataformas.

Falamos, por exemplo, de um ficheiro para gestão de recibos de vencimento, outro para contratos de trabalho, outro para contabilizar faltas. E tantos outros exemplos.

O maior problema de trabalhar com esta metodologia é a dispersão da informação.

Isto verifica-se , sobretudo, quando é necessário cruzar dados ou aceder rapidamente à informação, tornando-se uma verdadeira missão encontrar tudo o que precisamos.

Ao ter uma plataforma onde todos os dados estão concentrados, centralizados e armazenados, o problema das múltiplas plataformas diminui.

Além disso, se esta plataforma permitir filtrar e organizar toda a informação, bem como fazer a sua gestão e análise, tudo se torna muito mais ágil. Poupam-se horas de trabalho, que poderiam ser gastas em tarefas mais importantes.

centralizar-dados

A inteligência artificial permite conhecer a fundo uma equipa, o que é muito importante, principalmente antes de tomar qualquer decisão estratégica. Desta forma, os resultados que podem ser alcançados com o uso da IA ​​podem ser decisivos na gestão de uma empresa.

No que à gestão dos projetos internos diz respeito, a utilização de determinadas tecnologias disponibiliza dados e informações relevantes. São exatamente estes dados que darão a possibilidade de corrigir estratégias, antes de continuar numa determinada direção.

Ou que alertam para necessidades e permitem fazer previsões de cenários.

Em suma, reunir e organizar informações é vital para construir estratégias sólidas. E tornou-se essencial poder processar grandes quantidades de dados, principalmente para encontrar informações que facilitarão a tomada de decisões.

📚 [eBook grátis!] Estratégias e Ferramentas de People Analytics

Tarefas burocráticas: O papel da inteligência artificial na automatização de tarefas

A IA pode intervir, não apenas a um nível macro, de apoio e suporte na tomada de decisões, como também a um nível micro.

As tarefas burocráticas fazem parte do dia-a-dia das equipas de gestão de Recursos Humanos. Ainda que não sejam complexas, ou requeiram particulares capacidades, são tarefas morosas e monótonas.

São também tarefas com pouco retorno. Isto é dizer: implicam um investimento de tempo muito grande, que não pode ser canalizado para outras tarefas mais significativas.

É aqui a inteligência artificial pode ser a resposta ideal e a chave para todos os problemas. Mais concretamente, quando aplicada à criação de sistemas de automatização.

A IA permite realizar tarefas de forma automática, que antes eram feitas manualmente, numa fração do tempo.

Além disso, a IA ajuda, também, a que toda a informação esteja organizada e acessível, sem perder um minuto que seja a arrumar documentos.

Neste contexto, a inteligência artificial revela-se particularmente útil na agilização dos procedimentos de marcação de férias, por exemplo. Ou na gestão de baixas médicas. Ou ainda na catalogação e arquivo de documentos como contratos de trabalho.

A inteligência artificial como aliado e não como concorrente

Como já vimos, o papel da inteligência artificial em RH é de complemento.

A IA presta apoio na recolha e organização dos dados e é facilitadora nos processos de decisão. Mas é a parte humana que é responsável por gerir e interpretar esses dados. Bem como de decidir e ter a palavra final.

Assim, concluimos que são sempre precisas duas vertentes, máquina e humano, e uma não funciona sem a outra.

A integração da inteligência artificial não deve ser vista como um substituto para a gestão humana. Não pretende, também, substituir o ser humano por uma máquina.

A utilização da IA visa oferecer melhores resultados de análise, antes da tomada de decisão, e criar mais tempo para tarefas em que o fator humano é indispensável.

Em conclusão, a chegada da inteligência artificial às empresas não deve ser vista como um concorrente dos Recursos Humanos. O objetivo é tornar-se o seu aliado. Funcionando como seu braço direito, complementará a estratégia para que o sucesso da empresa possa ser levado mais além.

Factorial como solução de inteligência artificial para os RH

Depois de percebermos o que é a inteligência artificial, qual a sua utilização e os seus benefícios para a área dos recursos humanos, não restam dúvidas da mais-valia que é a IA e digitalização apra uma empresa.

Vimos que o principal benefício da inteligência artificial é o de libertar os RH, para que estes se concentrem em tarefas mais estratégicas. Por exemplo, permite dedicar recursos a estratégias de gamificação ou de preparação de atividades de team building.

A solução da Factorial pode ser, então, a solução de inteligência artifical que a área de recursos humanos procura e precisa. Além de centralizar todos os documentos e informações, é uma solução 100% segura para os seus dados.

Conheça algumas das funcionalidades que o software de RH da Factorial lhe oferece:

✅  Delegue as suas tarefas de gestão de Recursos Humanos num programa que se adapta às suas necessidades. Peça uma demonstração gratuita do software da Factorial agora!

Utilize a Factorial para agilizar processos e economizar horas e recursos.

Postagens relacionadas

Tem alguma dúvida ou sugestão? Partilhe-as na Comunidade de RH!

Esta é uma comunidade feita por si e para todos os profissionais de RH!